End: Rua Tocantins, 2265, Centro, 85501-272 - Pato Branco, PR
Tel: (46) 3225-6000 - secretaria@paroquiasaopedropb.com.br

Horários: Segunda à sábado: às 7hs na Capela e 19hs30min Matriz Segunda a segunda: às 19h30 na Matriz Toda terça-feira: às 15h na Matriz – (com pão de Santo Antônio) Toda primeira e última sexta-feira do mês: às 15h na Matriz Domingos: às 8h, 9h30min, 18h e 19h30min na Matriz Missas de batizados nos primeiros e terceiros domingos do mês às 9h30min.

Notícias da Paróquia › 22/08/2021

VOCAÇÃO DO CRISTÃO LEIGO (A)

O cristão leigo (a) é chamado (a) a construir o mundo, ser o sal e a luz de Cristo no mundo. Diz o Catecismo da Igreja que “é especifico dos leigos, por sua própria vocação, procurar o Reino de Deus exercendo funções temporais e ordenando-as segundo Deus. A eles, portanto, cabe, de maneira especial, iluminar e ordenar de tal modo todas as coisas temporais, às quais estão intimamente unidos, para que elas continuamente se façam e cresçam segundo Cristo e contribuam para o louvor do Criador e Redentor” (nº 898). Deus concedeu a cada um de nós talentos individuais para que possamos desempenhar uma atividade necessária para o bem comum. Cabe a cada um identificar esses dons e seguir a profissão para a qual tem aptidão e interesse.

Sabemos o quanto Jesus enfatizou a importância de não enterrar os talentos e dons que Deus nos deu. Na Carta aos Colossenses, São Paulo diz algo fundamental sobre isso: “Tudo o que fizerdes, fazei de bom coração, para o Senhor, não para os homens, certos de que recebereis a recompensa das mãos do Senhor. Servi a Cristo Senhor” (Col 3,23).

O Documento 105 da CNBB, – Cristãos leigos e leigas na Igreja e na sociedade – , entre outros temas, aborda o serviço cristão ao mundo. “É missão do povo de Deus assumir o compromisso sociopolítico transformador, que nasce do amor apaixonado por Cristo. O cristão leigo  expressa o seu ser Igreja e o seu ser cidadão na comunidade eclesial e na família, nas opções éticas e morais, no testemunho de vida profissional e social, na sociedade política e civil e em outros âmbitos”. (Documento citado, 167).

Como batizados, todos os leigos (as) não apenas estão na Igreja, mas são Igreja, são parte do corpo que tem Cristo por cabeça. Também são chamados a serem discípulos missionários, participantes da missão da Igreja de anunciar o evangelho a todas as nações. Assim, é fundamental descobrir a nossa vocação. Quando você a realiza, dá sentido a sua vida! Cada pessoa é chamada por Deus a ter uma vida realizada e plena.

Dentro da comunidade eclesial, os leigos (as) são chamados a desempenhar diversas tarefas: proclamadores da palavra, cantores, catequistas, ministros da Eucaristia, agente das diferentes pastorais, serviço aos pobres e aos doentes. Que cada leigo se conscientize da sua missão e dê a sua contribuição para o crescimento cristão no mundo. Peçamos a Deus, a graça de termos perseverança e bom êxito na nossa missão como leigos e leigas em nossas comunidades.

Por Rosemary de Ross Debastiani. Escritora e autora de vários livros publicados pela Paulinas Editora. Membro da PASCOM – Pastoral da Comunicação – da Paróquia São Pedro Apóstolo – Pato Branco – Paraná.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *